quinta-feira, 6 de agosto de 2015

Morre Padre Humberto Pietrogrande, pioneiro da Pedagogia da Alternância no Brasil

“Encontrar-se para conhecer.
Conhecer-se para caminhar juntos,
caminhar juntos para crescer.
Crescer-se para amar-se mais”
(Padre Humberto Pietrogrande)


Morreu na manhã de quarta-feira, 05 de agosto, aos 85 anos, o padre Humberto Pietrogrande, presidente da FUNACI - Fundação Padre Antônio Dante Civiero, fundador presidente de honra do MEPES - Movimento de Educação Promocional do Espírito Santo e pioneiro das Escolas Famílias Agrícolas do Brasil.
Humberto estava internado há meses no Hospital São Carlos Borromeu, na zona Leste de Teresina-PI e sofria de problemas degenerativos. A morte foi confirmada nas primeiras horas da manhã. O velório está acontecendo na paróquia do Divino Espírito Santo, no bairro Socopo, zona Leste da capital. O sepultamento será no Cemitério Jardim da Ressurreição, às 16 horas do dia 6 de agosto.
Natural da Itália, padre Humberto foi sacerdote na Companhia de Jesus por mais de 50 anos. Ele criou o MEPES-Movimento de Educação Promocional do Espírito Santo, em 1969, na cidade de Anchieta-ES, com o objetivo de promover o homem por meio da melhoria da qualidade de vida no meio rural. Ainda no estado do Espírito Santo, exerceu o ministério sacerdotal como cooperador e pároco das cidades de Anchieta e Alfredo Chaves. Neste período, foi pioneiro na implantação das primeiras experiências da Pedagogia da Alternância na América Latina, através das EFAs do MEPES, além de outras ações sociais nas áreas de educação, saúde e promoção social do ser humano.
Em 1987, por ocasião da sua ida para o Piauí, deixou a presidência do MEPES. Em 1989 fundou a FUNACI – Fundação Pe. Antônio Dante Civieiro, em Teresina-PI, onde era o atual presidente. Desde então, atuou na promoção das EFAs daquele Estado, hoje organizadas junto a AEFAPI – Associação das Escolas Famílias Agrícolas do Piauí. 
Em Teresina, instituições como a creche Santo Inácio de Loyola, o hospital São Carlos Borromeu, o Centro Comunitário Carlos Novarese, as escolas família do Soinho, Baixão do Carlos, Montes Claros, São Pedro, Miguel Alves, EFTUR, os núcleos de assistência social da Cidade Jardim, Wall Ferraz, o CAJU, Fazenda Nova Esperança, entre outros, eram custeados pela FUNACI.

Notas de pesar:

A direção do MEPES emitiu nota oficial destacando que "Durante os seus 53 anos de Brasil, [Pietrogrande] trabalhou incansavelmente na promoção integral do homem do campo, iniciando em 1969 a primeira escola do Brasil de educação integral dos jovens do campo com o sistema da Pedagogia da Alternância com a denominação de Escola Família Agrícola-EFA. Como sempre acreditou e defendeu uma ação integrada de educação, saúde e ação comunitária como fator determinante de elevação social das pessoas e desenvolvimento do meio".
Ainda segundo a nota, o padre "já vinha se preparando para esta viagem com a certeza de ter cumprido e se dedicado toda sua vida, a sua missão de promoção de “todo homem e do homem todo”, por meio da educação, saúde e ação comunitária, principalmente das famílias mais necessitadas do campo(...) Nós, mepianos que estamos levando adiante os projetos idealizados por Pe. Humberto, agora mais do que nunca temos a grande responsabilidade e compromisso de continuarmos lutando e defendendo os seus ideais que permanecerão sempre vivos em nossas ações".
A FUNACI também emitiu nota afirmando que "ao mesmo tempo em que lamenta o fato, a Família Funaciana vem a público agradecer pelos anos vividos ao lado deste sábio e abençoado sacerdote, que nunca reteve nada para si mesmo e com o seu coração imenso, sempre viveu para os outros. Eis o texto evangélico, que se tornou o Lema de sua vida: 'Eu vim para que todos tenham vida e a tenham em abundância' (Jo 10,10). Que as suas lições de vida sejam o 'leme' que conduzirá as nossas vidas e a vida desta instituição".
A AIMFR - Associação Internacional dos Movimentos Familiares de Formação por Alternância , através de seu secretário geral Pedro Puig-Calvó lamentou a sua morte e afirmou que a "grande família das EFA tem agora um novo embaixador, que junto aqueles que nos precederam constituem a nova e definitiva família no Céu".
A DISOP, parceira histórica dos Centros Familiares de Formação por Alternância do Brasil em nota assinada pelo presidente Aimé Caekelgergh e pelo coordenador de projetos Gérard Verhelst quis "compartir com o movimento das EFAs do Brasil e em particular com o MEPES, FUNACI e AEFAPI, a emoção do falecimento do padre Humberto". Disse também que juntos guardaremos a lembrança de um grande empreendedor social com que partilhamos amizades e muitos anos de caminhada. Classificou-o como um grande idealizador que não mediu esforços em prol da juventude rural.
A UNEFAB, através de seu presidente Antonio Baroni emitiu nota afirmando entre outros que "A história das EFAs do Brasil e de milhares de comunidades camponesas brasileiras com certeza seria diferente sem a presença histórica e profética de Padre Humberto Pietrogrande e de tantos outros pioneiros comprometidos com os valores mais concretos e reais quando se pensa em solidariedade, justiça social e generosidade". O dirigente conclui dizendo que a UNEFAB estende a "todos e a todas que caminharam juntos com Humberto e construíram esta história de sucesso em defesa da educação, da saúde e da promoção social, principalmente aos companheiros do MEPES, FUNACI e AEFAPI, o nosso mais verdadeiro sentimento de solidariedade e consternação".

Luto oficial:

O prefeito de Anchieta-ES, Marquinhos Assad, comunicou em nota o pesar e decretou luto oficial de três dias no município. Na tarde desta quarta-feira, foi celebrada na capela do Hospital do MEPES em Anchieta uma missa em homenagem ao padre, presidida por Pe. Firmino. À noite foi celebrada uma segunda missa no Santuário Nacional de São José de Anchieta.
Em Teresina-PI, o prefeito Firmino Filho também decretou luto oficial por três dias na cidade, destacando que a Prefeitura de Teresina é parceira da FUNACI em vários projetos, entre os quais, o gerenciamento de dois núcleos de atenção intergerenciais que beneficiam 600 crianças e adolescentes. 
O governador do Espírito Santo Paulo Hartung também decretou luto oficial de três dias e destacou que "com as Escolas Famílias Agrícolas, criadas pelo MEPES, entre outras iniciativas, promoveu a vida digna e autônoma, incentivou as vocações locais e o desenvolvimento regional, valorizou os laços familiares e sempre respeitou os mais diversos saberes do cotidiano das famílias capixabas alcançadas pelo seu trabalho".
O governador do Piauí Wellington Dias também decretou luto oficial de três dias em todo o Estado pelo falecimento do Padre Humberto.“Uma justa homenagem em virtude do trabalho realizado pelo Padre Humberto, que tinha um forte compromisso social com a população mais pobre, para a qual buscava melhoria de vida através de obras assistenciais, educacionais e de promoção à saúde”, frisou o secretário de Governo, Merlong Solano, ao destacar a importância da FUNACI, que é responsável pela administração do Hospital São Carlos Borromeo e pela oferta de cursos de formação e qualificação profissional, dentre outras ações.
“Como não lembrar e destacar o humanismo, a simplicidade altamente eficaz de sua proposta pedagógica, que aposta na interação escola-comunidade, no valor da sabedoria da prática e no compartilhamento dos conhecimentos sistematizados, num movimento em que filhos, famílias e comunidades crescem juntos.”, destacou o governador capixaba.

Homenagens em vida:

Em vida, Pietrogrande recebeu muitas comendas e homenagens por consequência da sua atuação. Entre as comendas destacamos:
  • Comenda Beato, José de Anchieta pelos relevantes serviços prestados ao Município de Anchieta – ES; 
  • Medalha Romão de Mattos Duarte – FUNABEM - Fundação Nacional do Bem Estar do Menor;
  • Oficial da Ordem Estadual do Mérito Jerônimo Monteiro – conferido pelo governo do Estado do Espírito Santo; 
  • Cavalheiro da Ordem ao Mérito da Republica Italiana; 
  • Medalha de Ouro conferida pela Câmara de Comercio, Indústria, Artesanato e Agricultura de Padova ao Padovano que honrou a Itália no Mundo; 
  • Cidadão Anchietense – Anchieta – ES; 
  • Cidadão do Estado do Espírito Santo;
  • Cidadão Teresinense – Teresina – PI; 
  • Comenda da Ordem ao Mérito do Estado do Piauí; 
  • Título de Cidadão Sampedrense – São Pedro do Piauí; 
  • Comenda de Honra ao Mérito Cultural – Câmara Municipal de Anchieta; 
  • Introdutor da “Pedagogia da Alternância” no Brasil. 
  • FUNACI: Prêmio Qualidade Hospitalar – Concedido pelo Ministério da Saúde, no ano 2000.
  • “CUORE AMIGO”, oferecido anualmente a três missionários religioso(a) e leigos em todo o mundo, através da Associazione Missionaria Cuore Amico Fraternitá Onlus, pelos relevantes serviços prestados em favor dos pobres no Brasil (recebido a 22 outubro de 2005 na cidade de Brescia - ITÁLIA). 
  • Título de Cidadão Piauiense – concedido pela Assembléia Legislativa do Estado do Piauí, em 15 de setembro de 2005. 
  • Titulo de Cidadão Miguelalvense – 2006; 
  • FUNACI: 2º Premio de Inclusão Social – 2006; 
  • FUNACI: Grande Prêmio de Inclusão Social – 2006; 
  • FUNACI: Prêmio Sócio Ambiental – HBB –BIRD – BRASIL/2007; 
  • Ordem do Mérito Municipalista Piauiense – honraria concedida pela Associação Piauiense de Municípios em Maio de 2008. 
  • Prêmio Dom Luiz Gonzaga Fernandes – Concedido pelo Governo do Estado do Espírito Santo em julho de 2008.
 Das homenagens podemos destacar:
  • Homenagem e Gratidão das Comunidades do Setor Pongal – Anchieta – Espírito Santo;
  • Homenagem da Comunidade São Francisco de Batatal – Alfredo Chaves – Espírito Santo;
  • Homenagem da Comunidade Santo Antônio do Crubixá (ES);
  • Homenagem do Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural – INCAPER e da Secretaria Estadual de Agricultura – SEAG, pelos relevantes trabalhos prestados ao Desenvolvimento Sustentável do Estado do Espírito Santo.
  • Homenagem da Assembléia Legislativa do Estado do Espírito Santo em Comemoração aos 37 anos de fundação do Movimento Educacional Promocional do Espírito Santo – MEPES. 
  • Homenagem do Conselho Comunitário da Região Socopo, Teresina – Piauí, por serviços prestados na área da saúde.
  • Homenagem da Assembléia Legislativa do Estado do Espírito Santo em Comemoração aos 37 anos de fundação do Movimento Educacional Promocional do Espírito Santo – MEPES. 
  • Homenagem da Assembléia Legislativa do Estado do Espírito Santo em Comemoração aos 40 anos de fundação do Movimento Educacional Promocional do Espírito Santo – MEPES em agosto de 2008. 
  • Homenagem da Escola Família Agrícola de Alfredo Chaves-ES, pelos 40 anos de fundação do MEPES em outubro de 2008.
  • Homenagem de EFA – Castelo-ES pelos 40 anos de fundação do MEPES.
  • Troféu “Mérito Lojista - 2009”, concedido pela Federação das Câmaras de Diretores Lojistas do Piauí. 
No início de 2013, Mariano Silva escreveu e lançou um livro intitulado 'Padre Humberto Pietrogrande: 50 anos de missão no Brasil', onde se trata sobre toda o trabalho e história desenvolvido pelo jesuíta no país.

Trajetória:

Filho do Advogado Rinaldo Pietrogrande e de D. Elisa Romaro, nasceu na cidade de Padova – Itália em 1º de abril de 1930. Formado em direito pela Universidade de Padova, foi inscrito no álbum dos Procuradores Legais do Tribunal de Padova desde 1955. 
Aos 05/01/1956 entrou no Noviciado da Companhia de Jesus em Lonigo – Veneza – Itália. Formado em Filosofia pela Pontifícia Faculdade de Filosofia de Gallarate (Aloisianum) Varese – Itália e em Teologia na Faculdade do colégio Cristo Rei em São Leopoldo (Rio Grande do Sul) – Brasil. 
Aos 02 de fevereiro de 1962 veio ao Brasil desembarcando em Salvador – Bahia. 
Aos 07 de dezembro de 1964 foi ordenado Sacerdote no Colégio Cristo Rei de São Leopoldo (RS). 
Depois de terminar Teologia e frequentar o terceiro ano de espiritualidade da Companhia de Jesus em Florença na Itália, inspirou em 1967 a Fundação da AES - Associação dos Amigos do Espírito Santo na cidade de Padova – Itália com a finalidade de criar um intercâmbio de solidariedade e amizade com o MEPES que fundou em 1968 na cidade de Anchieta no Estado do Espírito Santo – Brasil. Trabalhou pela PROMOÇÃO INTEGRAL DO HOMEM DO CAMPO sendo o pioneiro na criação das Escolas Famílias Agrícolas no Espírito Santo e em outros Estados do Brasil. Exerceu o ministério sacerdotal como cooperador e Pároco das Paróquias de Anchieta e Alfredo Chaves do Estado do Espírito Santo. 
Em 1977 frequentou com aprofundamento o curso de Planejamento no projeto Educação, ministrado pelo Departamento do ensino Supletivo do MEC. Em fevereiro de 1985 foi nomeado pelos seus Superiores, Diretor da Escola Agrícola Santo Afonso Rodrigues e Pároco da Paróquia do Divino Espírito Santo em Socopo, zona leste de Teresina/Piauí. Trabalhou para o CRESCIMENTO HARMÔNICO DAS COMUNIDADES RURAIS, combatendo o êxodo rural. Ampliou as atividades do Centro de Promoção de Socopo, colocando-se ao serviço total do campo e incentivou a formação das Escolas Famílias Agrícolas do Piauí. 
Em 1987, por ocasião de sua vinda ao Piauí, deixou a presidência do MEPES, passando a ser o Presidente de Honra e continuou a ser membro da Junta Diretora do mesmo. 
Em 1989 – Fundou a FUNACI - Fundação Pe. Antônio Dante Civiero, com sede em Teresina-PI, da qual é o atual Presidente. 
Em maio de 1997, participou do Seminário sobre Escolas Agrícolas do Piauí, modelo de gestão e Proposta Pedagógica, ministrado pelo MEC /Secretaria de Educação Média Tecnológica.

1 comentários:

  1. Conheci o Pe Humberto em Anchieta em 1973 quando descobri pela primeira vez as EFAs. Desde então tenho passado a maior parte de minha vida no mundo das EFAs no Brasil. Primeiro em Rio Novo do Sul e depois em Brotas de Macaúbas e Alagoinhas. Passei pela REFAISA e pela UNEFAB. Foi o Pe Humberto que facilitou tudo isto e por isto ficarei sempre agradecido. Nunca vou esquecer que em 1975 o Pe Humberto nos visitou em Brotas. A viagem de Salvador para Brotas é de 600 km (ida e vinda 1.200 km). Mesmo sendo uma experiência incipiente e modesta, fez questão de apoiar e colocar o MEPES a serviço desta primeira experiência educativa em alternância no campo fora do Espírito Santo. Continuou sempre apoiando e incentivando. Obrigado Pe Humberto e que Deus lhe dê o merecido descanso. Brotas de Macaúbas-Ba, 08/08/2015. Thierry De Burghgrave.

    ResponderExcluir