terça-feira, 16 de junho de 2015

Associação de Agricultores de Canguçu visita EFAs do Rio Grande do Sul

Na manhã da sexta-feira, 12 de maio, a Escola Família Agrícola de Vale do Sol (EFASOL) recebeu a visita de 29 integrantes da Associação da Escola Família Agrícola do Sul (AEFASUL). A entidade tem sede em Canguçu e conta com membros de São Lourenço do Sul, Pelotas e São José do Norte. A associação tem por objetivo principal a criação de uma Escola Família Agrícola no Sul do Estado. O encontro foi realizado na sede da EFASOL, em Linha Formosa.
O principal objetivo do grupo era vivenciar uma EFA, levantar os maiores desafios de estabelecer uma escola com essa proposta de ensino e discutir sobre a Pedagogia da Alternância e seus instrumentos pedagógicos. Para o coordenador pedagógico da Associação Gaúcha Pró Escolas Famílias Agrícolas, Antonio Carlos Gomes, esse momento de socialização é fundamental para instrumentalizar o grupo da AEFASUL a respeito da operacionalização da EFA na sua região. "Trata-se de um passo que precisa ser bem pensado e envolver a comunidade em geral”, explica.
Na ocasião, os integrantes da AEFASUL puderam conhecer, vivenciar, conhecer o espaço e interagir com jovens do 1º ano e monitores das EFAs do Vale do Rio Pardo (EFASOL) e Escola Família Agrícola de Santa Cruz do Sul (EFASC).
A coordenadora pedagógica da secretaria de Educação de Canguçu, Patrícia Rutz Bierhalz, valoriza a experiência. "Estar aqui na EFASOL e visitar a Efasc nos instrumentaliza para pensarmos a constituição da EFASUL, especialmente para entendermos o quanto uma EFA precisa estar ligada a sua região e a atender as demandas dos agricultores familiares", completa.
Logo após, houve um almoço (galinhada), música e integração entre todos e também um relato de estudantes sobre a experiência de estudar em uma EFA, em que relataram como vieram a integrar o corpo de estudantes da EFASOL e de qual influência o processo pedagógico da Pedagogia da Alternância e da formação integral sobre os estudos e a relação com as famílias nas propriedades do Campo. Depois, a comitiva foi conhecer a experiência da EFASC, para finalizar o dia de troca de experiências.

*Texto extraído da página do Jornal Folha Vale do Sol.

0 comentários:

Postar um comentário