sexta-feira, 28 de outubro de 2016

EFA de Marabá reúne com a Secretária de Educação - Atualidades e Perspectivas

A equipe de monitores/as (educadores/as) da Escola Família Agrícola (EFA) Padre Humberto Pietogrande reuniu na última quinta (27), com a Secretária Municipal de Educação de Marabá Ranyelle da Silva Septimio. O objetivo da reunião foi assegurar e garantir através da EFA o direito a Educação do Campo para jovens rurais, suas famílias e comunidades.
Também participou do diálogo a Diretora de Infraestrutura e Logística da SEMED a geógrafa Raquel Cardoso Rosa, que em função de sua trajetória de assessoria aos Movimentos Sociais, tem sensibilidade para apoio a projetos voltados para Agricultura Familiar. Sugeriu que a coordenação da EFA convide a imprensa para realizar uma prestação de contas social. Colocou à disposição para apoiar no fortalecimento do projeto que tem por crença “é possível produzir conhecimentos e alimentos agroecológico”.

terça-feira, 25 de outubro de 2016

Nota de Pesar pelo Falecimento de Monitor no Amapá

A UNEFAB vem por meio desta tornar pública nota de pesar pelo desaparecimento do professor/monitor de Artes da Escola Família do Rio Macacoari, Erenilson Araújo, o "Ere", vítima de um naufrágio neste domingo, 23 de outubro, em local próximo a foz do rio Macacoari, no Estado do Amapá.
O mesmo estava em uma rabeta (tipo de barco) que se afundou por conta da maresia. Outros três monitores da EFA que se dirigiam a Macapá foram resgatados com vida. O corpo de Erenilson foi encontrado na manhã desta terça-feira, 25 de outubro.
Externamos nosso pesar e solidariedade a família de Erenilson, a toda comunidade escolar da Escola Família Rio Macacoari e a RAEFAP neste momento de luto.
A secretaria da UNEFAB.

segunda-feira, 10 de outubro de 2016

FONEC: NOTA SOBRE A MEDIDA PROVISÓRIA n.º 746/2016 – MP da Reforma do Ensino Médio

O Fórum Nacional de Educação do Campo - FONEC emitiu nota sobre a Medida Provisória n.º 746/2016, a chamada MP da Reforma do Ensino Médio. A Medida Provisória foi editada em setembro/2016 pelo governo de Michel Temer. Confira o texto da MP clicando aqui. 
Confira abaixo a íntegra da nota, que esclarece sobre pontos importantes e impactantes da MP e apresenta o posicionamento do colegiado sobre essas mudanças propostas.

segunda-feira, 3 de outubro de 2016

Seminário 25 anos das Efas do Amapá finaliza com assinatura de termo de fomento

Nos últimos dias 15 e 16 de setembro, o Instituto Internacional de Educação do Brasil (IEB), em parceria com a Rede das Associações das Escolas Família do Amapá (RAEFAP) realizou o “Seminário Desenvolvimento sustentável e os desafios na garantia da educação do campo, das águas e da floresta como direito dos (as) agricultores (as) familiares e agroextrativistas”. O evento teve como objetivo refletir sobre a importância das Escolas Família na construção de alternativas sustentáveis de desenvolvimento rural, assim como problematizar seus maiores desafios no Estado do Amapá, como o financiamento e o marco legal, no decurso dos 25 anos de sua existência.

segunda-feira, 19 de setembro de 2016

Audiência Pública reforça importância da Educação do Campo e da luta pela democracia no país

A Comissão de Direitos Humanos e Minorias (CDHM) realizou dia 15 de setembro audiência pública sobre o direito à educação do campo. Reunindo representantes de movimentos sociais e educadores do campo, a iniciativa demarcou a importância da educação nas escolas em assentamentos e acampamentos, construindo um modelo educacional que compreenda as particularidades e necessidades dos povos camponeses, entre eles, lideranças do movimento das Escolas Famílias Agrícolas (EFAs).
Atualmente, o diagnóstico de educadores é que há um movimento de tentar reduzir ou até mesmo extinguir o papel de uma educação voltada aos interesses do campesinato. É o que aponta o professor Roberto Leher, reitor da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). “Recentemente contabilizamos 40 mil escolas fechadas no país, muitas delas no campo. Há uma política óbvia de apagamento da memória de que existe educação no campo, e, em consequência, de quem reivindica um modo de vida que se confronta com o agronegócio”, disse.

quarta-feira, 17 de agosto de 2016

Carta de Apoio ao Movimento das Escolas Família Agrícola (EFAs) de Minas Gerais

Em apoio aos companheiros e companheiras de caminhada que lutam em defesa da Educação do Campo e da Pedagogia da Alternância no Estado de Minas Gerais, a partir de ações retrógradas do Governo Estadual, que tem prejudicado especialmente as escolas que adotam a Pedagogia da Alternância, bem como, trazido prejuízo aos profissionais que atuam nestas escolas, a UNEFAB em nome do Movimento das Escolas Família Agrícola do Brasil, emitiu nota em defesa da Educação do Campo pela Pedagogia da Alternância, reafirmando a necessidade do ente estadual respeitar os marcos regulatórios previstos na legislação federal e estadual daquele Estado:

quinta-feira, 11 de agosto de 2016

EFA de Marabá e Instituições de Ensino Superior iniciam projeto de pesquisa

A Escola Família Agrícola (EFA) Padre Humberto Pietogrande, de Marabá em parceria com Instituições de Ensino Superior (IES) e órgãos que atuam na Educação do Campo, a saber: Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará (IFPA – Campus Rural de Marabá); Universidade Federal do Pará (UFPA - Centro de Educação – Belém), Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará (UNIFESSPA), Universidade do Estado Pará (UEPA- Campus de Marabá), Secretaria Municipal de Educação de Marabá (SEMED) e Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado Pará (EMATER – PARÁ) realizaram nos dias 04 e 05 de agosto de 2016, uma série de diálogos visando à construção de um Projeto de Pesquisa: “a história da EFA Marabá no contexto do desenvolvimento no Sul e Sudeste do Pará”.